Nos palcos  » Teatro  » A Mulher de Bath

A Mulher de Bath

Em janeiro de 2010 maitê estreia em São Paulo o espetáculo A MULHER DE BATH. Com direção de Amir Haddad, o texto é uma adaptação de um dos Contos da Cantuária, de Geoffrey Chaucer, com tradurção de José Francisco Botelho.  

Alice é uma mulher à frente de seu tempo. Uma mulher de vasta experiência e de ardorosa oratória conta a história de sua vida, ao mesmo tempo inusitada e exemplar, universal e única: seus amores incansáveis, seus rigorosos rancores, suas paixões e vinganças, sua peregrinação à Terra Santa, suas traições e sua grandeza, seu conhecimento profundo do pecado, da salvação e do espírito humano. Sua odisseia pessoal é entremeada com o relato fantástico de uma época imaginária: o mundo das lendas do Rei Artur, quando seres feéricos andavam pela Terra disfarçados em forma humana.  A Mulher de Bath, personagem dos Contos da Cantuária de Geoffrey Chaucer, uma das figuras basilares da literatura ocidental, chega aos palcos brasileiros pela primeira vez, em uma tradução que resgata a eloquência popular de sua fala.  Com direção de Amir Haddad, Maitê Proença vive esta viúva de cinco maridos, que está à procura de um sexto, ao lado do ator convidado Alessandro Perssan.

| | Voltar para Teatro | |